EnglishPortuguês
Fechar
ITK 2020 Digital - Innovation Tech Knowledge

Palestrantes

Adelmo Eloy

Colaborador do TLTLab do Teachers College, Columbia University. Além disso, é mestrando em Educação, no programa Learning, Design and Technology da Escola de Educação de Stanford University (2020). Atuou como gestor de projetos no Instituto Ayrton Senna, com foco no desenho e implementação de programas de formação de professores em temáticas relacionadas a tecnologias para aprendizagem. É mestre em Engenharia Elétrica pela Universidade de São Paulo (2019) e Bacharel em Engenharia Mecatrônica (2015) pela mesma instituição.

Christian Brackmann

Professor Efetivo do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Farroupilha (IFFAR) na área da Computação, onde ocupa atualmente a função de Diretor de Tecnologia da Informação da instituição. Além disso, é Professor Convidado pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) e Avaliador do INEP. Ele também já atuou como Coordenador de Curso e de Núcleo EaD, Coordenador Geral de Pós-Graduação e Assessor de Relações Internacionais do IFFAR.

Bacharel em Sistemas de Informação pela Universidade Franciscana (UFN), licenciado pelo Programa Especial de Graduação de Formação de Professores para Educação Profissional e Tecnológica pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), Especialista em Educação a Distância com habilitação em Tecnologias Educacionais pelo Instituto Federal do Paraná (IFPR), Mestre em Ciência da Computação pela Universidade Católica de Pelotas (UCPEL) e Doutor em Informática na Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) com tese intitulada ¿Desenvolvimento do Pensamento Computacional Através de Atividades Desplugadas na Educação Básica¿.

Em 2015, participou, em conjunto com a Sociedade Brasileira de Computação (SBC), na proposta pioneira de inclusão do Pensamento Computacional no currículo acional junto ao Ministério da Educação (MEC) e, em 2018, foi coautor do Currículo de Referência Tecnologia & Computação (http://curriculo.cieb.net.br/) e do Itinerário Formativo recomendando pelo MEC em Cultura Digital, também proposto pelo Centro de Inovação para a Educação Brasileira (CIEB), uma empresa sem fins lucrativos mantida por empresas como a Fundação Lehmann, Itaú Social, Instituto Natura, entre outros.

Atualmente é mantenedor do site www.computacional.com.br e executa projetos de pesquisa e extensão para desenvolvimento de objetos de aprendizagem, disseminação e sensibilização do Pensamento Computacional na Educação Básica com professores e gestores da rede de educação a nível regional, estadual, nacional e internacional no segmento público e privado. Seu projeto foi reconhecido a nível nacional através do programa ¿Como Será?¿ da Rede Globo de Televisão (https://youtu.be/Bxg8QC93joo), pela Rede RBS TV (https://youtu.be/6BfE59BhiUY), pelo site científico ¿UFRGS Ciência¿ (https://goo.gl/tzdNwB), entre outros.

Christiane Gresse Von Wangenheim

é professora do Departamento de Informática e Estatística (INE) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Ela enfoca em pesquisa científica, desenvolvimento e

transferência de modelos, métodos e ferramentas de engenharia de software e ensino de computação para apoiar a melhoria da qualidade de software. Nesse contexto, coordena o GQS - Grupo de Qualidade de Software

e a iniciativa Computação na Escola com enfoque no ensino de computação na educação básica.

Tem várias experiências na execução e gestão de projetos de pesquisa e industriais, tendo trabalhado nessa área na UNIVALI como coordenadora do Laboratório de Qualidade e Produtividade de Software e como pesquisadora no Fraunhofer Institute for Experimental Software Engineering na Alemanha.

C. Gresse von Wangenheim recebeu o título de Diplom-Informatikerin pela Universidade de Kaiserslautern (Alemanha) e o título Dr. rer. nat. em Ciência da Computação na Universidade de Kaiserslautern (Alemanha).

Claudia Mancini

é fundadora e editora-chefe do Blocknews, principal plataforma de informações sobre o uso de blockchain por empresas, governos e projetos sociais. É jornalista especializada na cobertura de notícias sobre o uso da tecnologia nos negócios, na economia e em projetos de inclusão social. Foi editora-chefe da Gazeta Mercantil e repórter da Dow Jones Newswires, além de consultora em comunicação estratégica para empresas líderes de setores como financeiro, defesa e tecnologia. Claudia também é membro da Woman in Blockchain Brasil, do Blockchain Research Institute Brasil (BRI Brasil) e da Latin America Women in Cybersecurity (Womcy).

Courtnay Guimarães

Experienced Business Architecture, System Design and Digital Strategy Advisory with more than 35 years on the road, in delivering organization transformation programs across different industries and countries. Provided tools and processes to increase ability to dream (Envisioning), build and establish an open and effective environment for innovation inside enterprise organizations. I have managed several teams from a wide range of different cultural backgrounds and ages, obtaining excellence in leading and delivery by combining expertise, hard work with human centric attitude.

Researches on Business Transformation (evolution, innovation, disruption) frameworks, towards the new infinite game mentality.

Constantly exploring emerging technologies and business models, seeking new inspirations and knowledge, curious about, among other things:

Technology Adoption Life Cycles expertise, to build and to use tech levers on business.

Digital business capabilities modeling and mapping, including industry frameworks (BIAN, TMForum, and so).

Emergent and Disruptive technologies adoption (Blockchain, AI, IOT, Big Data) on digital transformation roadmaps.

Convergent business (Financial Services, Telecom, IT services, Energy, Media, Digital Platforms).

Innovation management.

Funding (seed, ICO, IPO, TGC, STO, etc).

Tokenization (ABT, Real State, equities, etc).

Public Blockchain business (Ethereum, EOS, Polkadot)

Private DLTs (Ripple, Stellar, Corda, Hyperledger, Ethereum Enteprise, Quorum).

Specialized Education (Blockchain, Future Thinking, Design Thinking, Networked Organizations, Agile, etc)

Customers like ABInbev, Banco Itaú, Bradesco, Central Bank of Brasil, and so.

Delivered double digits sales growth and customer success rates over the last years. Built and conceptualized strategic transformation (Cloud First) programs, growing effective teams and organizations, shaping technology strategy and driving continual improvement inside and outside the ecosystem.

Edelweis Ritt

Executiva com forte experiência em negócios na indústria eletrônica, iniciou sua carreira na empresa Agilent Germany trabalhando no design de chips. Passou por empresas como CEITEC, Semikron Brasil, Atacama Ventures e Unitec Semicondutores. Convidada em 2018 a ingressar na HT Micron como responsável pelas relações institucionais e alianças estratégicas, Edelweis é formada em Ciências da Computação pela PUC-RS, Mestre pela UFRGS e PhD pela Universidade de Tübingen na Alemanha.

Eduardo Moreira da Costa

é diretor do laboratório acadêmico LabCHIS (Cidades mais Humanas, Inteligentes e Sustentáveis) na UFSC e Professor do Departamento e do Programa de Pós-Graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento da UFSC. Foi também professor do Departamento de Ciência da Computação da UFMG. Autor do livro Global E-commerce Strategies for Small Businesses (MIT Press, 2001), escrito e publicado em Inglês e depois traduzido para Chinês e Japonês (2001 a 2003). Escreveu o capítulo de referência mundial sobre ¿Humane Smart Cities¿, publicado no The Oxford Book on Interdisciplinarity (2017). Publicou recentemente o capítulo ¿Inovar é preciso¿, no livro Pinceladas de Inovação (2018). Autor ainda de Humane and Sustainable Smart Cities post-pandemic 2020/21 (Editora Elsevier, Londres, 2020). Criador e coordenador do primeiro MBA em e-Gov do país, o MeGA. Consultor do BID (na área de e- commerce), Banco Mundial (coordenador de avaliação do Programa InfoDev) e do World Economic Forum (reuniões de Dubai em 2008, 2009 e 2010) na área da inovação. Nos EUA, foi ¿visiting scholar¿ na Universidade de Harvard de 1997-2002. No Brasil, foi Diretor de Inovação da FINEP (2007-2010), criador dos programas PRIME, JURO ZERO e 14Bis (com forte presença na Casa Brasil em Johannesburgh na Copa 2010 e na Exposição na Embaixada Brasileira durante as Olimpíadas de Londres de 2012); Diretor do CNPq (1993-1997), criador do programa SOFTEX 2000 de incentivo à exportação brasileira de software; Pesquisador do CPqD da TELEBRÁS e consultor do IEL-Nacional (onde escreveu o primeiro manual brasileiro sobre o comércio eletrônico, ainda em 1998) e dezenas de empresas e organizações. Professor Eduardo Moreira da Costa é engenheiro eletricista e M.Sc. em Ciência da Computação pela UFMG e Ph.D. em eletrônica pela Universidade de Southampton, na Inglaterra. Membro da Ordem do Mérito Científico do Governo Brasileiro (2010). Conselheiro de entidades e membro do Conselho de Administração da empresa HOPLON em Florianópolis; foi membro dos CAs do grupo ALGAR em Uberlândia, da Sábia em Florianópolis e da Senior Sistemas em Blumenau. É palestrante conhecido no Brasil e no exterior nas áreas de Novos Negócios; Cidades mais Humanas, Inteligentes e Sustentáveis; a 4ª era da Inovação; Empreendedorismo; Novas Políticas Públicas e Organizacionais; e Capital de Risco.

Fabio Junges

Empreendedor na área de tecnologia em empresas de cloud, segurança e blockchain. Co-fundador do iCoLab, instituto de inovação em blockchain, e sócio da OnePercent, empresa com foco em soluções de software em Blockchain. Professor em transformação digital na UNISINOS, UFRGS e FIA.

Fausto Vanin

Agente da transformação digital. Atua em iniciativas que usam a tecnologia para mudar o contexto social em que vive. Possui mestrado em Informática Aplicada pela PUC-PR e certificação em Inovação e Estratégia pelo MIT Sloan School of Management. Membro da OnePercent, coletivo que desenvolve soluções de software com a tecnologia Blockchain e co-fundador do Pox, uma plataforma de aprendizagem interativa. Membro da diretoria voluntária da Aldeia da Fraternidade, Fellow do Social Good Brasil e consultor de negócios na Odabá, associação de afroempreendedores do Rio Grande do Sul.

Felipe Cabral

é médico intensivista pediátrico e MESTRE e DOUTOR em Pediatria pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS). Possuí MBA EXECUTIVO EM GESTÃO EM SAÚDE pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Ocupou o cargo de Diretor Técnico do Hospital Materno Infantil Presidente Vargas (HMIPV) de Porto Alegre e foi responsável pela implantação da telemedicina no Hospital Moinhos de Vento em 2016, liderando projetos de TeleOftalmologia, TeleUTI, TeleConsulta, TeleConsultoria entre outros.

No momento é coordenador médico de Saúde Digital do Hospital Moinhos de Vento que engloba a gestão da Inovação e da Telemedicina.

Henrique Dias

é doutorando em Ciência da Computação, responsável pelo Grupo de Inteligência Artificial na Saúde, um projeto com o Hospital Conceição e a PUCRS focado em desenolver soluções para problemas reais de saúde pública utilizando Inteligência Artificial. O seu projeto de I.A. na Saúde ganhou o Google Latin America Research Awards 2018, 2019 e Prêmio Empreenda Saúde do Hospital Sìrio-LIbanês.

Jefferson Gomes Fernandes

Neurologista. Vice-Presidente da Associação Brasileira de Telemedicina e Telessaúde (ABTms). Coordenador do Programa de Educação em Telemedicina da Associação Paulista de Medicina (APM). Presidente do Conselho de Curadores, Global Summit Telemedicine & Digital Health, da APM. Professor e coordenador acadêmico do MBA Gestão e Inovação em Medicina, IBCMED - SP. CEO da SPECIS - Consultoria em Saúde (Associate Partner do SYTE Insitute, Hamburgo, Alemanha). Membro da American Telemedicine Association (ATA), da International Society for Telemedicine and eHealth (ISfTeH) e da Academia Brasileira de Neurologia (ABN).

Karla Esquerre

É fundadora e líder do grupo de pesquisa Growing with Applied Modeling and Multivariate Analysis (GAMMA, www.gamma.ufba.br), e atua em projetos de pesquisa, ensino e extensão suportados por ferramentas da ciência de dados e aprendizagem de máquina. É idealizadora e coordenadora dos Projetos Meninas na Ciência de Dados e Ciência de Dados na Educação Pública. Tem graduação em Engenharia Química pela Universidade Federa de Alagoas (1998), mestrado e doutorado em Engenharia Química pela UNICAMP (2000 e 2003), pós-doutorado em Engenharia Sócioambiental na Universidade de Hokkaido (Japão, 2003-2005) e nos Departamentos de Mecânica Aeroespacial e de Engenharia Elétrica da Universidade da Califórnia San Diego, UCSD (EUA, 2015 e 2020). Atualmente é Professora Associada III do Departamento de Engenharia Química e docente permanente do Programa de Pós-Graduação em Engenharia Industrial e no Mestrado em Ambiente, Águas e Saneamento da Universidade Federal da Bahia. Apoia as iniciativas inclusivas R-Ladies e AI Inclusive.

Lorenzo Frazzon

É fundador da Passer Consultoria de Investimentos. Foi Co-fundador da Investtor Ativos Digitais e da Blocko Ventures, Venture Builder focada no universo blockchain. Possui 12 anos de atuação no mercado financeiro, onde trabalhou em corretoras de valores e gestoras de recursos. Também é professor de Blockchain na Sustentare Escola de Negócios. Economista e Mestre em Engenharia de Produção. É Analista de Investimentos CNPI e Consultor de Investimentos autorizado pela CVM.

Marcos Roberto dos Santos

Possui Mestrado em Computação Aplicada pela Universidade de Passo Fundo (2016). Pós Graduação em Metodologias do Ensino na Educação Superior pela Faculdade de Tecnologia de Curitiba, Fatec (2010) e Graduação em Sistemas de Informação pela Universidade Luterana do Brasil (2006). Atualmente, é pesquisador e Bolsista de Produtividade em Pesquisa da Fundação Meridional, no Grupo de Pesquisa "Tecnologia, Inovação e Sustentabilidade?. Além disto é membro do corpo editorial da REIT (Revista de Empreendedorismo, Inovação e Tecnologia) e da REBES (Revista Brasileira de Ensino Superior) e pesquisador/coordenador de Projetos nas Áreas de Visão Computacional e Inteligência Artificial na IMED. Sua pesquisa está focada nas áreas de Tecnologia, Inovação e Sustentabilidade, com ênfase em Desenvolvimento de Software, índices de vegetação, high-throughput, computer vision, jogos imersivos e usabilidade. Professor dos cursos de Ciência da Computação e Sistemas de Informação da IMED. Tem experiência profissional como Gerente de Projetos, Arquiteto e Analista de Software e empreendedor no segmento de Tecnologias para o Agro, tendo fundado a MooTec Techonology in Business, startup que entrega soluções tecnologias para entidades rurais, com foco principal em controle de gestão e produção de commodities agrícolas. E-mail: marcos.santos@imed.edu.br Instagram: @marcosrs.santos

Paulo Lilles Jorge Drews Junior

Doutor e mestre em Ciência da Computação pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) em visão computacional e robótica. Engenheiro de Computação pela Universidade Federal do Rio Grande (FURG). Seus principais interesses são robótica, aprendizado de máquina e visão computacional. Foi pesquisador do Instituto de Sistemas e Robótica da Universidade de Coimbra, colaborando nos projetos europeus Prometheus e IRPS. Foi pesquisador visitante do Autonomous System Lab no QCAT-CSIRO, Brisbane, Austrália. Atualmente, é professor adjunto da Universidade Federal do Rio Grande e Coordenador de Planejamento da Unidade Embrapii iTec/FURG em Sistemas Robóticos e Automação. Também é bolsista de produtividade em Desenvolvimento Tecnológico e Extensão Inovadora (DT2), desenvolvendo vários projetos de inovação e desenvolvimento tecnológico em cooperação com empresas como Petrobras, Yara Brazil, entre outras. Mais detalhes em: http://paulo.c3.furg.br

Pedro Schestatsky

Medicina UFRGS

Pós Doutorado em Harvard

Fundador da NEMO - Neuromodulação e LifeLab - Medicina de Precisão

Rodrigo de Grazia Bacha Estevam

Mestre em Gestão do Conhecimento e da Tecnologia da Informação pela Universidade Católica da Brasília, atualmente exercendo o cargo de Diretor de TI na Unicesumar, em Maringá. Graduado em Ciência da Computação e Especialista em Redes de Computadores, também possui Certificação PMP - Project Management Professional, pelo PMI.

Como Experiência profissional, são 20 anos de carreira com gestão de TI no setor educacional, acumulando desafios em grupos educacionais relevantes em todo Brasil, como IESB, Unigranrio e CNEC. O longo da carreira teve cases apresentados em congressos internacionais: Washington/2015, no BBWorld (Blackboard ¿ Projeto Analytics de Aprendizagem com foco em adoção de docentes da educação presencial a metodologias ativas e LMS), e em Orlando/2018, na Campus Insigth (Campus Management ¿ Projeto de Permanência com uso de Analytics). E atualmente liderou um projeto da Analytics na Unicesumar, que foi reconhecido pela Microsoft em seu relatório anual: Impacto para um Futuro Melhor, publicado no mês de junho/2020, e foi selecionado pela Microsoft Internacional, como o projeto incluído no ¿Education Transformation Framework¿, que é composto com as melhores práticas identificadas pela Microsoft no Processo de Transformação Digital em Educação.

Rubem Duek

Possui 30 anos de experiência em várias posições de liderança nos setores de TI e Serviços no Brasil e América Latina. Já trabalhou em empresas multinacionais como IBM, HP e Itautec, como também em startups de tecnologia e serviços. Engenheiro de Sistemas pela PUC/RJ, possui MBA Executivo Internacional pela FIA/USP e foi aluno em cursos livres nas universidades INSEAD, Michigan, Lyon e Cambridge. Atuou também como professor de MBA em Estratégia, Vendas e Marketing B2B e é fundador do Instituto Habilidade Científica & Inovação (IHCI), organização sem fins lucrativos que atua na capacitação de professores em habilidades para ciências em escolas públicas de São Paulo.

Em 2019 co-criou o Meu Futuro Digital, movimento que tem por objetivo transformar estruturalmente o mercado de trabalho em tecnologia buscan do dobrar o numero de profissionais em TI para 3 milhões de profissionais em 8 anos.

Salvador Gullo Neto

tem 45 anos, é médico e vem se dedicando a gestão em saúde nos últimos 14 anos.

Formado em medicina pela PUCRS em 1996, se especializou em cirurgia digestiva e transplante de órgãos abdominais. Concluiu o Mestrado e Doutorado na mesma instituição onde hoje é Professor da Escola de Medicina da PUCRS e preceptor de residência em Cirurgia Geral e do Aparelho Digestivo do Hospital São Lucas da PUCRS.

Ao longo de sua carreira como gestor, vem trabalhando para construir um novo mindset para a saúde. É CEO da plataforma de segurança do paciente online SAFETY4ME, que busca empoderar o paciente no seu autocuidado dentro dos hospitais. Um dos seus projetos mais significativos nesta área foi a implantação do Núcleo de Segurança do Paciente do Hospital São Lucas da PUCRS.

Atuou como Diretor de Provimento da Unimed Porto Alegre, estimulando na cooperativa a transformação digital e as negociações com a rede prestadora baseadas em valor. Foi responsável pela implantação da Metodologia DRG Brasil e seus indicadores assistências nas relações comerciais com os hospitais parceiros.

Sua formação mais recente foi em 2019-2020 quando cursou um programa de pós-doutorado na Escola de Enfermagem da San Diego State University focado em segurança do paciente.

Beny Rubinstein

Atua em diversos conselhos consultivos como expert em inovação, fornecendo insights sobre modelos de cloud computing e Inteligência

Artificial para ajudar grandes empresas de serviços financeiros do mundo, consultorias, corporações e instituições sem fins lucrativos na tomada

de decisão em processos de due diligence, consultoria e/ou pesquisa, além do gerenciamento pós-aquisição de empresas de tecnologia em

Israel. Beny é juiz em competições globais e ¿adviser¿ de CEOs e Boards (Conselhos Administrativos) de startups no Brasil e em Israel.

Fernanda Lima Kastensmidt

Graduação em Engenharia Elétrica pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1997), mestrado em Ciências da Computação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1999) e doutorado em Ciências da Computação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2003). Atualmente é professor Associado da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Microeletrônica (PGMICRO). Tem experiência na área de Microeletrônica e Engenharia da Computação, com ênfase em Hardware, atuando principalmente nos seguintes temas: técnicas de proteção a falhas de radiação, projeto de sistemas tolerante a falhas, arquitetura programável, FPGA, qualificação de sistemas e circuitos integrados sob falhas e modelagem de falhas. É autora do livro Fault Tolerance Techniques for SRAM-based FPGAs publicado em 2006 pela editora Springer e coautora de mais 3 livros científicos. Participou do projeto da carga útil do satélite NanoSat-BR1 que foi lançado em junho de 2014 e atualmente está no projeto do NanoSat-BR2 onde parte da carga útil é responsável por analisar os efeitos da SAA em Circuitos Integrados fabricados em tecnologia nanométrica.

Danny Schiselman

President Grupo Cumbre - offers integrated and creative solutions for development and revitalization on the following divisions: AgroIndustry and Water Solutions

Danny, an experienced executive with a proven track record of working in industrial, commercial and managerial leadership.

Expert in strategy management, marketing, negotiation, business planning, with analytical skills and extensive experience in international business.

In his previous positions, Danny was Chairman and CEO of leading companies in the plastics, construction, agribusiness, commerce, and more segments.

Danny has a degree in business strategy and management.

Michelle Heymann

é uma empreendedora brasileira-israelense, fundadora & VP Marketing da Nanosynex, uma empresa que está desenvolvendo uma solução inovadora para diagnosticar resistência (e susceptibilidade) antimicrobiana em tempo recorde. A jovem executive estabeleceu a empresa em 2017, após completar seu MBA no Technion ¿ Instituto de Tecnologia de Israel. Foi neste programa que ela conheceu sua sócia, Diane Abensur, e onde elas descobriram a tecnologia da professora Shulamit Levenberg, reitora da faculdade de engenharia biomédica do Technion. As fundadoras perceberam o potencial da inovação e criaram a Nanosynex para levar essa tecnologia do laboratório ao mercado. Sendo empreendedoras com origens diferentes, Michelle, brasileira-israelense, e Diane, franco-israelense, as sócias certificaram-se de usar suas diferenças culturais para trazer o pensamento criativo dentro da empresa. Em janeiro deste ano (2020), Michelle e Diane apareceram na Forbes, na lista ¿30 under 30¿.

Anteriormente, Michelle trabalhou como jornalista na Folha de S. Paulo, cobrindo notícias de Ciência & Saúde. Ela é graduada em comunicação social pela Universidade Presbiteriana Mackenzie e possui um MBA do Technion.

Victor Grimblatt

Engenheiro em microeletrônica pelo Institut National Polytechnique de Grenoble (INPG - França) e engenheiro eletrônico civil pela Universidade Técnica Federico Santa Maria (Chile). Ele está atualmente cursando seu Ph.D. em eletrônica no laboratório IMS da Universidade de Bordeaux, França. Atualmente é Diretor e Gerente Geral da Synopsys Chile, líder em Electronic Design Automation (EDA). Ele abriu o centro de P&D da Synopsys no Chile em 2006. Ele tem conhecimento e experiência em tecnologia e negócios e tem um conhecimento profundo das tendências da indústria eletrônica. Ele é frequentemente consultado sobre o desenvolvimento de novos negócios de tecnologia. Antes de trabalhar para a Synopsys, ele trabalhou em várias empresas multinacionais e chilenas, como Motorola Semiconductors, Honeywell Bull, VLSI technology Inc. e Compass Design Automation Inc. Ele começou a trabalhar em EDA em 1988 na VLSI Technology Inc., onde participou do desenvolvimento de síntese lógica, sendo um dos pioneiros desta nova tecnologia. Ele também trabalhou no desenvolvimento de sistemas embarcados na Motorola Semiconductors. Tem várias publicações sobre EDA e desenvolvimento de sistemas embarcados. Desde 2007 é convidado para várias conferências regionais (Argentina, Brasil, Chile, México, Peru e Uruguai) para palestrar sobre Projeto de Circuitos, EDA e Sistemas Embarcados. De 2006 a 2008 foi membro do Comitê Chileno de Exportação de Serviços (Offshoring) organizado pelo Ministério da Economia. Em 2010 ele recebeu o prêmio de Inovador do Ano em Exportação de Serviços. Ele é membro de vários Comitês Programas em Projeto de Circuitos e Sistemas Embarcados. Desde 2012, ele presidiu a seção chilena da IEEE Circuits and Systems Society. Ele é presidente da Associação da Indústria Elétrica e Eletrônica AIE desde 2016 e Presidente da Federação Chilena de Associações de Inovação e Tecnologia desde 2018. Suas áreas de interesse e pesquisa são EDA (Electronic Design Automation) e Agricultura de Precisão, onde aplica conceitos de Aprendizado de Máquina, Inteligência Artificial e IoT.

Ricardo Reis

Ricardo Reis é professor titular do Instituto de Informática da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Graduado em Engenharia Elétrica pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Porto Alegre, Brasil, em 1978, e doutorado em Informática, opção Microeletrônica pelo Institut National Polytechnique de Grenoble (INPG), França, em 1983. Doutor Honoris Causa pela Universidade de Montpellier em 2016. Suas áreas principais de pesquisa incluem automação do projeto físico, metodologias de projeto, sistemas tolerantes a falhas, educação em microeletrônica e IoT. Tem mais de 650 publicações (grande maioria internacional), incluindo livros, periódicos e anais de conferências. Ricardo foi palestrante convidado em mais de 70 eventos internacionais. Foi coordenador dos Programas de Pós-Graduação em Computação e em Microeletrônica da UFRGS. Ele foi vice-presidente da IFIP (International Federation for Information Processing) e também foi presidente da Sociedade Brasileira de Computação (dois mandatos) e vice-presidente da Sociedade Brasileira de Microeletrônica. Recebeu vários prêmios como: Prêmio SILVER CORE em 2001 pelo IFIP, o Prêmio de Meritorious Service 2015 da IEEE CASS, o Pe. Prêmio Landell de Moura 2015 pela SBMicro, Prêmio Newton Faller 2014 pela Sociedade Brasileira de Computação. Ele está recebendo, em 2020, o Prêmio de Mérito Científico da Sociedade Brasileira de Computação. Em 2002 recebeu o Prêmio Pesquisador do Ano do Estado do Rio Grande do Sul. Foi vice-presidente do IEEE CASS por dois mandatos (2008/2011). Ele é o fundador do Capítulo IEEE CAS do Rio Grande do Sul, que conquistou o Prêmio CASS Mundial de Capítulo do Ano 2011, 2012 e 2018, e R9 Capítulo do Ano 2013, 2014, 2016, 2017 e 2020. Ele é um fundador de várias conferências como SBCCI e LASCAS, a Conferência IEEE CASS Flagship na Região 9. Ele foi o Presidente Geral ou de Programa de várias conferências como IEEE ISVLSI, SBCCI, IFIP VLSI-SoC, ICECS, PATMOS. Ricardo foi presidente do Steering Committee do IFIP / IEEE VLSI-SoC, vice-presidente do IFIP WG10.5 e presidente do IFIP TC10. Ele também criou a EMicro, uma escola anual de microeletrônica no Sul do Brasil. É membro fundador da SBC (Sociedade Brasileira de Computação) e também membro fundador da SBMicro (Sociedade Brasileira de Microeletrônica).

Alon Lavi

Cônsul Geral de Israel em São Paulo. Bacharel em Engenharia Biotecnológica na Universidade Ben-Gurion, em Israel, conduziu pesquisa no Instituto de Bioquímica, na Universidade de Oxford, na Inglaterra, e é mestre em Resolução de Conflitos e Negociação pela Universidade Bar Ilan, em Israel. Já esteve no Brasil em sua primeira missão diplomática, em 2011, como Primeiro Secretário na Embaixada de Israel em Brasília. De 2014 a 2016, foi Vice Porta Voz do Ministério das Relações Exteriores em Jerusalém, em Israel. Antes de retornar ao Brasil, era o Chefe Adjunto da Missão na Embaixada de Israel na Cidade do México.

Marcel Berditchevsky

Nascido no Rio de Janeiro, Brasil. Vivendo hoje em Israel, após 16 anos de residência em São Paulo, Brasil. Formado em Pedagogia e Sociologia. Educador especializado em educação judaica e educação informal com ênfase na formação de líderes. Experiência profissional de mais de 35 anos desenvolvida em organizações, OSM, Jewish Agency, Keren Horn (Ner LeElef). Ativista voluntário de organizações judaicas do Brasil e em Israel. Oficial de Educação do Exército de Israel – Oficial do departamento de judaísmo e sionismo

Membro da equipe do departamento de estudantes do Ministério de Absorção;

Coordenador dos seminários de Liderança e desenvolvimento humano nos departamentos da Agencia Judaica de Educação Sionista Religiosa e da Noar Veechalutz;

Organização de viagens para Israel aos jovens dos projetos Kiruv (projeto de estudos judaicos para jovens de idade entre 16 -30 anos – aproximadamente 1500 jovens em todo Brasil estudam 4 horas semanais

Marcos L. Susskind

Administrador de Empresas e ativista comunitário

Administrador de empresas formado no Brasil pela EAESP/FGVSP, guia de turismo em Israel, palestrante, ativista comunitário, voluntário na luta contra as drogas atuando em diversas entidades. Comenta o noticiário sobre Israel para vários órgãos da imprensa judaica, em português e espanhol. Mora em Holon com sua esposa.

PATROCINADOR

IAGENTE

ENTIDADE PROMOTORA

ORGANIZAÇÃO

AB EV

VEÍCULO DE COMUNICAÇÃO OFICIAL

Grupo AMANHÃ

APOIO

Gramado e Canela
Prefeitura de Gramado